SECRETARIA DE AGRICULTURA E PECUÁRIA

Idioma

Início

Notícias

Detalhes

Pesquisa indica potencialidades de geração de renda em microbacias no Noroeste Fluminense
  • Pesquisa indica potencialidades de geração de renda em microbacias no Noroeste Fluminense

    22/12/2015

    Turismo rural, orgânicos e agroindústrias estão entre as oportunidades levantadas pelo Projeto Intecral em Italva e Varre-Sai

    Durante os dois últimos anos, pesquisadores do Intecral – Projeto Integração de Ecotecnologias e Serviços para o Desenvolvimento Rural Sustentável no Rio de Janeiro – investigaram as realidades econômica e ambiental de dez microbacias nos municípios de Italva, famosa por sua produção de leite, e Varre-Sai, de onde saem 65% dos grãos de café que abastecem o estado do Rio de Janeiro. A ideia da pesquisa era fazer uma “radiografia” dessas microbacias, revelando potencialidades a serem exploradas para a geração de renda e desenvolvimento sustentável, melhorando a qualidade de vida dos moradores do campo desses municípios. 

    Desde 2013, o Rio Rural desenvolve pesquisas em parceria com o governo da Alemanha, estabelecendo uma cooperação científica por meio do Intecral. O governo do país europeu destinou recursos para que pesquisadores das universidades alemãs de Colônia, Leipzig e Jena desenvolvam e adaptem tecnologias sustentáveis integradas ao trabalho do Rio Rural, executado pela Emater-Rio e Pesagro-Rio. As pesquisas são realizadas nas microbacias de todo o interior fluminense, em diversas áreas, voltadas para a melhoria das principais cadeias produtivas do estado, para gestão dos recursos hídricos e recuperação ambiental.

    Resultados da pesquisa

    A pesquisa, realizada em 2014 e 2015 nas microbacias dessas duas cidades do Noroeste Fluminense, foi tema do workshop “Análise dos recursos locais, inovação e possibilidades de estratégias de geração de renda para agricultores de Varre-Sai e Italva“, realizado no Hotel Caiçara, em Itaperuna. O evento foi coordenado pelo pesquisador Omar Torres, da Universidade de Leipzig, uma das mais renomadas e antigas universidades do mundo. Parceiros institucionais do Rio Rural também participaram do encontro, como Emater-Rio, Embrapa Solos, Sebrae e Pesagro-Rio.

    Durante o workshop, os pesquisadores e agricultores das microbacias pensaram em como realizar estratégias de desenvolvimento sustentável, geração e diversificação de renda e melhoria da qualidade de vida, tendo como base os resultados da pesquisa. A atividade sinalizou caminhos para estes objetivos, como o potencial dos dois municípios em áreas como turismo rural, esportes, pagamentos por serviços ambientais (PSA), patrimônio cultural, agricultura orgânica e agroindústria.

Galeria de imagens



8290

NASCENTES PROTEGIDAS ATÉ O MOMENTO


Um desafio pela preservação da água! Conheça a campanha que vem mobilizando produtores rurais e outros parceiros para a proteção de 2016 nascentes até as Olimpíadas do Rio de Janeiro.

Microbacia em Destaque

Alto Turvo

BARRA MANSA

A microbacia hidrográfica Alto Turvo ocupa uma área de 9.571 hectares. A atividade que se destaca na região é a pecuária leiteira.

Ver Microbacia em Destaque Ver todas
Nossas Microbacias